quarta-feira, 5 de maio de 2010

Fones nos ouvidos

Tenho uma mania um tanto ou quanto parva. Poderia até ser considerada voyeurismo. Mas não é. Porque eu sou um tipo catita. E a mania é esta: quando ando na rua e vejo alguém passar no meu limite visual com fones nos ouvidos, costumo imaginar que tipo de música estará a ouvir. Eu sei que desde que inventaram aqueles fones com bluethoth( esperem… vou ver ao meu telemóvel se esta palavra está bem escrita… Ok. Não está) através dos quais as chamadas podem ser atendidas , o número de pessoas com fones aumentou. Mas como desses (com fones blue… (ah…aquilo que escrevi ali em cima com erro)) são apenas aspirantes a seguranças ou vêem muitos filmes de acção ( e não estou a falar da Jenna Jameson porque não é esse tipo de acção. É mais tiros e pistolas. Ou quiçá mais pistolas e tiros mas continuemos).

E continuando como disse, a verdade é que imagino que raio de música é que cada uma dessas pessoas ouve. Normalmente associo à sua aparência. Ou também ao tipo de música estupificante que esteja na moda. Isto tudo tem uma razão. Nos meus anos de petiz., um suposto meu colega de curso metaleiro; de fones nos ouvidos e t-shirt dos BATENAVÓ; estava a ouvir uma suposta música muito supimpa. Disse: “Sandes, ouve aquí este sonoro muito supimpa”. Arrepiei-me. Embora goste de música, gosto de boa música. Seja ela de que estilo for. Meti os fones nos ouvidos. E que era? Perguntam-se vossemecês com angústia nas vossas mentes e curiosidades acerbadas… ERA A PORRA DA MÚSICA DO TITANIC!!! Da Celin Dion!!

E agora pergunto-me: com tantas oportunidades de fazer falsas queixas e fazer com que alguém seja preso por terrorismo, porquê nunca ninguém se lembrou de a culpar a ela? Sejam úteis à sociedade. Não é só do PIB e de percentagens das bancas que este mundo funciona.

1 comentário:

Trambolho ao Postigo disse...

A Celin Dion é uma arma de estupidificação muito eficaz. Até um metaleiro??? Dessa não estava à espera.