quinta-feira, 28 de setembro de 2006

Pensamentos Dispersos: o Retorno!

Julgo que devo ser a entidade mais malévola à face da terra. Não ponho fora de questão a possibilidade de ser o próprio diabo.

Durante muito tempo da sua vida, Cláudio Ramos sentiu-se confuso. Durante toda a sua adolescência sentia-se tremendamente gay. Mas tal mudou no dia em que arranjou uma namorada chamada Sandro.

Sou um apreciador ávido de arte e até tenho um Van Gogh em casa. Um original Manuel Van Gogh.

Procuro uma pintura de um cavalo incomodado para pôr ao lado do meu quadro do mocho importunado.

O meu passatempo favorito é gritar aos ouvidos dos velhotes adormecidos «O SALAZAR ERA UM TÓTÓ!!!. A seguir ponho-me em posição de defesa contra bengalas.

quarta-feira, 27 de setembro de 2006

Preservativos



Numa das minhas deambulações, encontrei num supermercado uma marca de preservativos com um nome deveras estranho. Passo a explicar. Chamam-se Family. Bem, eu penso que um dos principais motivos pelo qual táis artefactos de puro látex, lubrificados e com aromas são usados (além dos que toda a gente sabe... 3 kg de candidiase, 4 pitadas de sífilis, balões de água... etc.. enfim DST's tramadas) é exactamente a questão da family... Que é não criar uma nova para sí (ou noutros casos não a alargar).
Tal conversa recorda-me com saudosismo os meus tempos de presidente da comissão de festas do meu curso (título que me prendia noites a fio ao convívio e à confraternização... foi duro... muito duro). Lembro-me de uma festa intitulada de Festa da Borrachinha na qual ofereciamos às pessoas que compareciam uns quantos destes instrumentos não aprovados pela Santa Sé. Eu e mais dois colegas lá fomos pé ante pé arranjar 500 ao Planeamento Familiar local. Eu disse 500? Queria dizer 200... Eramos 3, logo, 100 para cada (no carnaval dá sempre jeito balões de água). Os restantes, nós, 3 jovens consciêntes e preocupados, cada qual agarrado a um alfinete, espicaçávamo-los com o afinco de quem come um gelado. E, por fim, estes eram entregues como já anteriormente referí na dita festa.
Agora que me lembro disso, foi passado pouco tempo que houve um surto de pontapés na espinhaça entre raparigas da minha turma e da universidade... ups...

segunda-feira, 25 de setembro de 2006

Atão mas quem manda aqui?!

Um jornalista, francês acho, assegura que Bin Laden está morto… segundo este jornalista do “vingt et quatre heures” esta é a quinquagésima nona vez que este senhor bate as botas… alguma vez ele vai acertar!
Parece que confrontado sobre a veracidade da noticia o jornalista assegurou que caso não esteja morto…ele vai morrer…a verdade é apenas uma questão de tempo!
A causa da morte terá sido (ou será) febre tifóide!
Confrontado com esta bomba jornalística Bush terá dito a um enviado especial do PFcAD que já sabia, e que o sargento febre tinha sido treinado e enviado por ele próprio para matar o Bin… e que teria toda a honra de receber na sua casa toda a família tifóide para condecorar!



p.h.

domingo, 24 de setembro de 2006

O estado da TV em Portugal

quinta-feira, 21 de setembro de 2006

NÃO PERGUNTE AO SENHOR DOUTOR

Voz: Boa tarde, senhoras e senhores. O meu nome é Casimiro Urologo e sejam bem-vindos a «Não pergunte ao senhor doutor», o único programa de aconselhamento médico em Portugal baseado em perguntas que não são pertinentes no campo da medicina. Connosco, temos o nosso especialista, Dr. Anacleto Grão de Bico. Como está doutor?

Doutor: Não estou mal, Casimiro, tendo em conta a quantia de gente doente que vejo e a quantidade de hemorródias que trato. E você, Casimiro?

Casimiro: Bem... tenho um tumor maligno na ponta do nariz.

Doutor: Epá, com a breca. Tenha cuidado com isso. Agasalhe-se bem.Tome uns comprimidos. Tem comprimidos em casa?

Casimiro: Tenho. Montes deles.

Doutor: Óptimo. Tome uns desses. Coma muita canja e use roupa alegre mas confortável. É o meu conselho.

Casimiro: E que rico conselho. Mas vamos começar. A primeira pergunta é de Joana Bugalhos de Freixo de Espada à Cinta. Diz ela: «Doutor, o meu carro parece hesitar sempre que acelero depois de um sinal vermelho e tenho medo de o deixar ir abaixo. O que devo fazer?»

Doutor: Não me pergunte isso a mim. Mas coma muitos vegetáis. Ricos em fibra. Agasalhe-se bem.

Casimiro: É isso mesmo. Não pergunte ao senhor doutor. Como é que ele havia de saber uma coisa dessas? Essa é claramente uma pergunta que deveria fazer a um mecânico. Isto há cada um...

Doutor: Pois é.

Casimiro: Por ter tido a sua pergunta seleccionada pelo «Não pergunte ao senhor doutor», Joana Bugalhos vai receber um termómetro rectal da marca Recto-Fixe, último grito em termómetros rectáis. Procurem a nova linha de termómetros rectáis com monograma Recto-Fixe nas boas lojas de instrumentos para enfiar no recto na vossa área de residência. Os melhores do mercado! Recto-Fixe! Não oxidam, não são frios e são recomendados pelo Cláudio Ramos.

Doutor: O Recto-Fixe é uma maravilha, Casimiro. Às vezes, uso o meu para verificar temperatura do frango assado.

Casimiro: Rica ideia doutor! Pois é... Chegámos ao fim por hoje. Acompanhem-nos amanhã para assistirem à resposta do doutor Anacleto Grão de Bico à pergunta «Como posso aumentar a minha produção de couves?». Já a seguir, não perca o programa sobre estética de Deolinda Pêlo na Venta no qual mostrará a uma jovem albina como pode evitar que o seu cabelo fique castanho de forma prematura.

25 anos depois....

... descobri os Sonic Youth, e para mim 2006 já pode acabar: o melhor albúm já está entregue... que venha 2007!

quarta-feira, 20 de setembro de 2006

Diálogos curtos Vol.II

Joaquim: Fica-te muito bem esse vestido, Josefina. Esse rosa choque conjugado com essas botas de cabedal preto evidenciam mesmo as tuas sete arrobas e meia além da tua camada adiposa de cetáceeo. Mesmo sexy. Estava aqui a pensar que se, Deus nos livre, acontecesse algo de mau à minha Etelvinda e ao teu Heitor, poderiamos passar mais tempo juntos.

Josefina: Pois é Joaquim, também tenho exactamente a mesma opinião. Sinto exactamente o mesmo.

Joaquim: Bem, então e se não esperassemos que lhes aconteça alguma coisa? Bora pá cozinha!!!

Desilusão!!!

A esta hora, certamente, reina a desilusão na redacção da TVI. Afinal o Gordon acobardou-se!

terça-feira, 19 de setembro de 2006

Diálogos curtos

Marcelindo: Abençoai-me padre porque pequei. Ontem afoguei um hamster...

Padre: Isso acontece meu filho.

Marcelino: e a seguir enforquei um caniche com uma gravata Loius Vuitton.

Padre: Isso tem explicação meu filho.

Marcelino: Não contente, ví um programa na t.v. com o Cláudio Ramos..

Padre: ...pois... Horas chatas do dia. Isso acontece.

Marcelino: ..mas depois matei um padre no Pingo Doce na parte dos congelados com uma pancada na nuca bem aplicada com uma corvina. Foi o terceiro este mês. Da 1ª vez fiquei assustado. A corvina ficou um pouco amachucada e a senhora dos congelados olhou para mim de um modo estranho. Da segunda nada senti. Era um bacalhau, suponho. Da Noruega. Acho que estou a apanhar o jeito. Da terceira... acho que comecei a gostar.

Padre: Eu não sou um padre a sério, meu filho. Estou só aqui a limpar o confessionário. Já agora, o bacalhau era mesmo da Noruega? Com selo e tudo?

segunda-feira, 18 de setembro de 2006

RESPONDE-ME A ISTO MEU GARGALHO!!

Voz: Boa noite exmos. senhores e senhoras! Bem vindos a mais uma edição do programa preferido de Portugal:«Responde-me a isto meu gargalho»!! O programa onde pessoas exactamente como você mas bem mais atraentes podem concorrer e ganhar prémios fabulosos!!! E com vocês, o apresentador!! Jacinto Lambentrefolhos!!!

(aplausos, toque de pratos)

Jacinto:Boa noite a todos! Cá estou eu mais uma vez! Hoje temos um jackpot acomulado de setenta e cinco euros, uma rifa de uma quermesse de baile de verão e um pacote de bolachas Maria!! Vamos então receber os nossos participantes! Josélito Arreganha-Gatos e Agua Antónia. O que faz da vida Josélito?

Josélito: Fico sentado. Basicamente é isso.

Jacinto: Porreiro... E você Agua?

Agua: Sentada não é muito comigo. Eu é mais de pé à janela.

Jacinto: O dia todo?

Agua: Excepto às horas de refeições, a não ser que esteja a fazer jejum.

Jacinto: Vocês parecem ser pessoas mesmo interessantes mas passemos então ao programa propriamente dito. A 1ª pergunta vai para o Josélito. Está pronto Josélito?

Josélito: Sim. Quer dizer....assim assim...

Jacinto: shttt... Muito bem. Quero relembrar que a pergunta é do tema "Pessoas". E agora, com Portugal inteiro a ver.. Responde-me a isto meu gargalho!!

(som do cronómetro)

Crotilde e Casimiro Mastiga-Coentros vivem na Trafaria na esquina da rua do Padre Zebedeu com a Av. dos Ataques de Caspa. Na passada sexta-feira, às quatro da tarde, um renault 4l passou pela casa. Como se chamava o último mecânico que lhe alinhou a direcção e como se chamava a professora de tele-escola da sua tia-avó??

(música e cronómetro)

Josélito: Manuel Caroço e Emídia Come-alpista.

Jacinto: Tenho muita pena mas errou. A resposta correcta era Sertório Azevedo e Felisbela Ramirez.

Josélito: Pois... Foi só um palpite...

Agua: Eu sabia a resposta!

Jacinto: Pois sim òh Agua Antónia... Eu acredito...

Josélito: Concordo consigo. Acho que ela tem a mania.

Jacinto: Josélito, lamento. estou a ver a sua familia na assistência com cara triste e envergonhados. Ainda não é desta que vai poder fazer uma operação aos rins do seu filhito mais novo. Mas alegre-se! Mesmo assim, ganhou um vale de desconto na compra de cem rolos de papel higiénico de folha simples! Sendo assim, juntemos mais um euro ao nosso jackpot que fica então a incrivel quantia de setenta e seis euros! Já não temos tempo para fazer a pergunta à Agua Antónia mas azar o dela.
Juntem-se a nós novamente lá para Novembro ou Dezembro para mais um jogo de «Responde-me a isto meu gargalho!!» quando uma das nossas perguntas principais será «Como se chamava a primeira pessoa a estrangular outra que conhecia desde o Jardim-Escola com uma chave inglesa?» Boa noite a todos.

(música, aplausos)

domingo, 17 de setembro de 2006

Distress


Uma bonita historia de amor!

Era uma vez um gato, branco, gordo, felpudo, com uns bigodes fartos e longos… era um animal nobre de andar imponente e confiante… no seu bairro era olhado por todos com inveja, era ele que em Janeiro fazia as gatas miar como se não houvesse amanhã…era ele que todas as gatas desejavam…
Todos os dias pela manhã, fofinho como ele se chamava, acordava e esticava todo o seu esbelto corpo num espreguiçar sensual e num ápice saltava pela janela para o seu passeio de galanteio pela vizinhança…
Num belo dia de primavera, enquanto passeava pelas ruas, fofinho conheceu Benz num cruzamento iluminado pelo Sol acabado de nascer… Benz era lindo magnânimo perfeito… A sua cor prateada ganhava relevos com a luz do Sol, os seus olhos rasgados era claros límpidos e grandes!
Fofinho nunca tinha visto Benz, nunca antes em todas as manhãs rotineiras de passeio o seu olhar se tinha pousado em tão belo exemplar… era Amor, só podia ser Amor… O minúsculo coração de Fofinho batia sem cessar, ofegante numa batida frenética de quem estava apaixonado!
Após uns segundos de olhares meigos de quem está apaixonado, acompanhado pelo só do seu coração e do ronronar suave de Benz, Fofinho sentiu junto dos seu bigodes, colado aos seu lábios o beijo roubado por Benz… Foi um momento de ternura, de amor sem limites, de paixão… Um rebolar apaixonado pela calçada como se ela fosse a sua cama! Tudo era perfeito… dai em diante tudo seria diferente…
Esse tinha sido o ultimo dia da rotineira vida de Fofinho, um marco uma mudança na sua vida! Foi o seu único beijo, o único momento de prazer que os dois desfrutaram…pois como começou acabou… a forma apressada como Benz o tocou foi a mesma que o levou…Fofinho recordou Benz para o resto da sua vida, aquele momento, aquele beijo!
Para Benz, tinha sido apenas mais uma manhã, mais um passeio rotineiro depois de sair de casa… para Benz, o Mercedes, fofinho tinha sido apenas mais um…apenas mais um gato estúpido que este tinha atropelado sem dó nem piedade! E o mundo ficou muito mais feliz…


FIM



p.h.

Live messenger

Hoje instalei a nova versão do msn… o tal live Messenger! Ok, é amaricado e faz exactamente a mesma bosta que os outros, mas tem aqui pormenores que me deixam assim a meio que coiso, tipo reticente…
Os antigos messengers já eram um flagrante caso de burla e publicidade enganosa, uma vez que por baixo da nossa foto tinham um link que dizia “obtenha webcam” e eu carreguei vezes sem fim e nunca me apareceu porra nenhuma em casa. Mas essa ainda eles vão ter de ouvir quando eu ligar para lá…
Este agora, com a mania que é live tem um simples “obtenha acessórios”…eu como é claro não cliquei, sei lá que bodegas é que eles me vão mandar!!! Ainda me aparecem aqui com pulseirinhas e colares da Parfois… Tou aqui tou a desinstalar esta paneleirice…


p.h.

Olha um jornal, que giro…

Foi hoje lançado, não ao ar mas ao público, mais um jornal generalista… Parece que foi um sucesso, e que a par do expresso esgotou todos os exemplares nas bancas!
O que me parece é que o Sr Isaltino hoje não vai ter onde estacionar o carro…
Outra opção é que um bom Português compra o jornal para ler quando toma posse no seu magnânimo trono de porcelana, mas por muito tempo que dure o reinado, dois jornais parece-me demasiado tempo! Não será que uma das compras terá sido para algum outro motivo relativo ao lugar?!
É que pelo que me parece, e para isso basta fazer contas, se somarmos todos os jornais generalistas com os desportófutebolisticos dá cerca de jornal e meio por habitante! Incluindo analfabetos, cegos, amblíopes e leitores do 24horas… quer ver que nos tornámos um país de gente culta e dada à leitura?
A primeira primeira página não foi assim má de todo, já que falava do Isaltino, mas se na próxima não aparecer a Mercê Romero, o filho da Isabel Figueira ou a Elsa Raposo acho que prefiro ler o “espesso” e guardar o “Sol” para encandear o olho no final do reinado!

p.h.

sábado, 16 de setembro de 2006

coisas raras!

Hoje já se sabem os resultados do concurso de acesso ao ensino superior…
Houve alguns cursos de via ensino, aqueles que preparam pessoal para o desemprego, que preencheram as vagas…
Brutal!
Se és uma dessas aves raras que ainda sonha ser professor, tira uma foto aos resultados, pois durante os próximos muitos anos, principalmente depois de acabar o curso… esse vai ser o único documento onde à frente do teu nome vais encontrar a palavra COLOCADO!



p.h

Piaçaba já com falta de lixívia!

Esta bosta de pergunta já aqui estava faz mais de quinze dias, coisa assim…era coisinha para já não ser actual… mas um gajo com o quarto, mas o lugar, no mundial apanhou tamanha bebedeira que saímos faz poucos dias do coma!

O único comentário que me apraz fazer sobre este piaçaba é o seguinte:

Urrrrghanc!

Obrigado.


p.h.

sexta-feira, 15 de setembro de 2006

o chamado 2 em 1... ou será apenas incongruência?

Poderá uma gradessíssima "melga" tresandar a insecticida? Pois tudo indica que sim...

Reality Shows Vol. IV

Hoje tive mais uma ideia para um reality show.
Chamar-se-ia Diz-me o que comes.
Basicamente trata-se de uma câmara de filmar fixa num trono de porcelana (vulgo retrete). Esta situa-se num café da estrada nacional onde serão mantidos durante quinze dias dez homens pançudos de vários locáis deste nosso belo pais.
Estes serão alimentados com uma dieta à base de cerveja, amendois e repolho cozido. Por agora é melhor não contar mais pormenores. Digamos então que é um excelente programa para passar no horário nobre da TVI. Destronaria de certeza a Floribela ou os Morangos.
O mais interessante é que os tele-espectadores não teriam conhecimento de tal dieta. Todos os domingos, do público presente em estúdio, seriam feitas votações ou até mesmo por telefone. O indivíduo que acertasse mesmo (mas mesmo mesmo ein!!) na alimentação deles receberia um prémio final. UMA MAGNIFICA RETRETE VALADARES E UMA ASSINATURA DO 24 HORAS (para matar o tempo enquanto repousa no seu novo trono de porcelana)!!!!
E é tudo.
Já agora, devido aos inúmeros eufemismos existentes acerca da comida, proponho que o nome ultrapassado de tremoços (palavra brejeira e nada chique, enfim, não tem o seu je-ne-sais-quoi) seja mudado para camarão de espinho.
Para tal, fica aberta um abaixo assinado nos comments.
Adiram então!!

quinta-feira, 14 de setembro de 2006

LOST

Lost - Perdidos e não Náufragos ou qualquer parvoíce do género já vista em dezenas de filmes. Perdidos porque não sabem onde estão, não o sabem em muitos sentidos.
Adoro esta série por vários motivos, mas o principal é o facto de estar brilhantemente bem escrita. A complexidade das personagens é fabulosa e as viagens temporais que vão justificando os seus comportamentos estão muito bem conseguidas e não são demasiado mastigadas.
A minha teoria é que estão todos mortos e a ilha é um género de purgatório. Uma ténue barreira entre o submundo de Hades e o reino de São Pedro. Uma paisagem paradisíaca onde cada um tenta, sem muito sucesso, libertar-se dos seus fantasmas. Save Our Souls ou We must save our souls? Que venha a 3ª temporada que a espera começa a torturar.

Reality Shows Vol. III

Ora bem! Hoje venho propor um novo reality show. Seria com modelos femininas pouco vestidas.
Já prendi a vossa atenção? Vejo que sim. Continuemos então.
O nome seria: Toma Lá Este Aspecto Para Variar.

Trata-se de um reality show de mudança de imagem.

Primeiro: escolheriamos 5 top-models excelentes e bem sucedidas.

Segundo: contra a sua vontade, colocamos sedativos suficientes para apagar um paquiderme ou mesmo a Simara na cocaina ou na vodka das dita-cujas. Depois era só esperar...

Terceiro: Sujeitamo-las a uma cirurgia plástica intensiva. Decoramo-las com narizes tortos e compridos. Papos de baixo dos olhos e um monte de rugas e pregas soltas na cara. Seguidamente, injecta-se-lhes nas nádegas, ancas e coxas gordura suficiente para uma foca não ter frio durante o inverno arctico. Assim realmente seriam felizes.

Quarto: Quando acordarem da anestesia, o público grita:« Toma lá este aspecto para variar!!!!»

Estou tão entusiasmado com esta ideia que até estou a pensar numa variante em que se fazem mudanças de sexo involuntárias!!! Estão a pensar que a minha 1ª vitima seria o Cláudio Ramos?? Nã.. Isso era jogar dinheiro fora...

terça-feira, 12 de setembro de 2006

Reality Shows Vol. II

Mais umas férias que passaram. Durante um tempo, pouco foi aqui postado mas não pensem vocês que isso não foi benéfico. Nem imaginam a nova quantidade de ideias para melhorar o mundo fervilham na minha mente qual dióxido carbónico de um whisky com agua castelo.

Durante esta época, uma nova ideia para um reality show muitas vezes me assaltou o espírito.

Seu nome?

Ganda Moca Meu!!!

Passo a explicar. Acho até que é uma ideia com muito futuro. Põe-se um psicopata assassino cada semana numa carrinha completamente atolada de espingardas de assalto, caçadeiras, cartuchos, balas e fisgas. Recheia-se a carripana melhor ainda de anfetaminas, crack, LSD, cogumelos, posters do Cláudio Ramos, cd’s do Tony Carreira, cocaína, heroína, e farinha Pensal. Depois, este é largado numa qualquer cidade algarvia onde conduz a carrinha e actua como quiser dentro da mesma. Como é óbvio, será filmado a todo o momento. É necessário também avisar as autoridades para que estas não interfiram no decorrer normal das actividades do programa. Ao fim de treze semanas de emissões com treze psicopatas assassinos diferentes, estes são apetrechados de lança-granadas e lança-chamas e são soltos em plena feira do Marisco de Olhão. Até pensei numa variante de fim-de-semana caso a autarquia de Olhão levantar problemas. Nesse caso, os assassinos psicopatas, equipados apenas com espingardas de assalto e caçadeiras com bagos de sal, irão de automotora de Évora a Casabranca onde apanham o comboio normal. Daqui irão de neste para Olhão sem paragens e ninguém pode sair. Será atada à cabeça de cada um uma câmara de vídeo para que deste modo seja possível captar em pleno a performance de cada um. Garanto-vos que dará imagens excelentes.

Acho que também era possível fazer isto num autocarro. Era necessário um motorista que não se distraísse facilmente.

segunda-feira, 4 de setembro de 2006

Um breve resumo do tempo

Big Bang? Nada disso! Deus num dia porreiro resolveu fazer qualquer coisa útil e criou a terra. Os pimentos, alfaces, mosquitos, tuberculose, etc… Tudo menos os gatos. Os gatos são de Marte. Todos sabem disso.

Há muito tempo bem antes dos teus trisavós terem nascido ou mesmo o Mário Soares. Noé enfia numa arca um casal de animais de todas as espécies…Quanto aos animais hermafroditas e ao Cláudio Ramos, não faço ideia de como agiu.

Um tempinho depois de Nóe, talvez 2 mil anos mais coisa menos coisa… Moisés e o seu gang resolvem escrever a tanga chamada os “10 Mandamentos”.

Ano 0 ou quiçá 6 ou 7 antes deste… Maria, a possível virgem, é visitada por um anjo que lhe espisoteia os coentros todos para grande tristeza de S. José. Adorava açorda com bacalhau. Nove meses depois nasce J.C. Um bacano do camandro. De vida curta e sem vista para o negócio, mas um bacano.

33 D.C.(mais coisa, menos coisa)- Jesus é pregado a uma cruz. Ressuscita 3 dias depois mas não voltou a comer M&M’s ou Smarties…

75 D.C.- S. Pedro tem a brilhante ideia de criar um clube designado por “Santa Sé”. Jogam de branco, são mandriões, enfrascam-se com tinto e cheiram a sardinha assada.

Séc. X- Uns mandriões de sangue azul com ligações ao clube de S. Pedro, decidem tirar férias no médio oriente. Desculpam-se que andam à procura de um copo ou de uma tal arca.

1143 D.C.- Devido a uma zanga com a sua mãe, D. Teresa, Afonsinho, puto reguila e problemático, decide criar um pais só para sí.

Séc. XV- O Infante D. Henrique decide organizar um cruzeiro pelo Atlântico para a enfadonha nobreza. Nascem os descobrimentos portugueses.

Séc. XVI- Lutero revolta-se contra o clube de S. Pedro batendo com a porta e fazendo enorme algazarra.

Séc. XVII- Isaac Newton leva com uma maçã na cornamenta tendo de seguida estranhas ideias para infortúnio dos putos em idade escolar.

1879- Nasce Iosof Vissanionovich, conhecido em Portugal por Zé dos Bigodes. Gorducho e com ar de taberneiro. Entra para o Clube Dos Ditadores C/ Bigode Ridículo. Também conhecido por Estaline.

1889- Nasce numa povoação da Áustria um indivíduo com apenas um tomate e que mais tarde entrou também para o Clube Dos Ditadores C/ Bigode Ridículo. Ganhou várias medalhas pelo seu bigode ao largo dos anos. Ficou imensamente conhecido pelo seu ar de “tenho um pinheiro atravessado no olho do cú”. O seu paizinho, Alois Hitler, por várias vezes ao longo da sua vida, pensou, se, naquela noite fatídica em que confraternizou com a mulher, se não teria sido melhor fazer uma visita ao corral do vizinho.

13/5/1917- Algo aconteceu em Fátima mas não me recordo. Julgo que foi um espectáculo do Badaró.

1924- Salazar sobe ao poder em Portugal. Apesar dos inúmeros esforços de Franco a interceder em seu favor, devido ao seu buço imberbe, não foi aceite no Clube Dos Ditadores C/ Bigode Ridículo. Frustrado, transforma Portugal num pais ostracizado e toma como principal passatempo observar Álvaro Cunhal obrigado por agentes da PIDE a limpar com a língua todas as janelas do forte de Peniche e secá-las depois c/ as sobrancelhas farfalhudas.

1968- Salazar dá um valente estrompáiço de uma cadeira.

9 de Setembro de 1978- Dia bastante quente. O petróleo aumentou. O sr. Deudalcindo dirigiu-se a Rosal de la Frontera para comprar alhos e caramelos. Nasce o XXXburguer num MCDonalds fora do prazo.

14 de Fevereiro de 1980- Num dia deprimente de S. Valentim em que se esgotou o stock nacional de cravos e rosas ( os quéfrô ainda não se tinham virado para tal negócio), nasce o ser conhecido por Fingido da Silva. Em apenas 3 dias, já corria atrás das motorizadas como ninguém. Contudo, os seus dotes de caçador eram extremamente, digamos, ruins.

4 de Abril de 1980- Ocorre um enorme sismo no Irão em que milhares de pessoas morrem. Nesta data nasce também um indivíduo mais tarde conhecido como Sandes de Choco c/Mortandela, o libente iluminado. Os produtores de whisky Jameson e de Gurosan rejubilavam de alegria.

17 de Janeiro de 1981- António Variações estava no apogeu do seu sucesso. José Cid encantava Portugal de lés a lés com o seu êxito “E se o macaco gosta de banana”. Elton Jonh casa-se com uma mulher!!!! Nasceu também um Satanhoco que mais tarde se auto-intitulou de senhor e indivíduo. Com apenas 1 dia de vida, já apertava com afinco os pescoços dos gatinhos.

21 de Julho de 1984- Morriam milhões na Etiópia devido à seca que se prolongava há 4 anos. A guerra civil no Camboja limpava por dia 1000 comedores compulsivos de arroz e no Bangladesh uma cheia deixava os chinelinhos dos meninos de 4 a 5 anos a boiar. Tudo corria de feição. No entanto, nasceu a Dusty.

1986- Portugal adere à Comunidade Europeia. Os agricultores nacionais esfregam as mãos de contentamento. Ocorre a maior corrida de sempre à imobiliária algarvia, aos stands de jipes, às esteticistas e às botas cardadas que fazem o som peculiar “nhac nhac” ao caminhar.

1989- Cai o muro de Berlim. Herr Felismina, acabada de chegar de uma aldeia do interior da Beira comenta: “mas o muro dava-me tanto jeito para estender a roupa…”

1991- Saddam Hussein resolve tirar férias no Koweit. Para tal, resolve levar toda a família, cão, gato, canário, um abacaxi e todo o seu exército e uma camisola interior Thermoteb.

1995- Tomás Taveira, como bom arquitecto, desenvolve o interesse pela arte-recto. Descobre também um novo hobby! A retro-inspecção.

1997- Nascem os Excesso! A construção civil, e especialmente os trolhas, jamais se recomporiam por tamanha perda nas suas fileiras. Princesa Diana desenvolve a técnica de parar um Mercedes com a testa. Só conseguiu com um.

2000- Manuel Subtil barrica-se com toda a sua família num w.c. da RTP. Suplica por papel higiénico de folha dupla. O rumor de prisão de ventre paira no ar além do odor a cocó com excesso de fibra.

4 de Setembro de 2005- Numa noite chata, uns quantos tipos sem nada para fazer criam os PFCAD.

4 de Setembro de 2006- Os elementos dos PFCAD celebram o aniversário do seu blog com um dia de rambóia na Tapada Grande de pescaria às carpas. Não faltam as minis, sandes de courato e pipis!

Deixo um enorme obrigado para todos aqueles que visitam este nosso cantinho da blogosfera e conseguem aguentar todas as palermices que aqui se escrevem. Continuaremos a escrever cada vez mais alarvidades pensando em vocês.