segunda-feira, 31 de outubro de 2005

Tradições!!!?

Nestes últimos dias o meu orgulho exacerbado de ser Português, aquele que colocou bandeiras nas janelas e varandas, tem ganho proporções que nunca imaginei!
É tão bonito ver os putos vestidos de preto, com caixinhas com velas, com abóboras cortadas em forma de caraça, batendo as portas e a pedir doces... a fazer diabruras, a assustar os outros!
É tão lindo o halloween, essa festa tipicamente Portuguesa!!!



p.h.

8 comentários:

Sandes de Choco c/mortandela disse...

Como disse um filósofo alemão não muito conhecido (de tal modo que me esquecí do nome do desgraçado): Patriota é gostar do seu pais, nacionalista é não gostar do dos outros.

Senhor Indivíduo Satanhoco disse...

Ser Patriota é gostar do nosso País, respeitar o nosso País e gostar, criticar, preservar o que é nosso... é ter Orgulho!
Somos um País com uma História rica, com tradições... mas mesmo assim continuamos a precisar de importar tradições e festas dos outros Países?!
Lá estamos nós, sempre prontos para a Parodia...
Não importa conhecer a origem, nem o motivo...festa é festa!
Não disse mal do Halloween, critiquei apenas o Halloween em Portugal como exemplo para a necessidade que nós (Portugueses) temos de importar tradições e costumes e esquecer a nossa identidade...
Este é apenas um exemplo, insignificante, dirás tu...
Mas é mais um passo!



p.h.

Senhor Indivíduo Satanhoco disse...

O querer preservar as tradições, a identidade do meu País...e achar ridículo importar tradições estrangeiras... para mim não é um acto nacionalista!
Para mim festejar o Halloween em Portugal é tão ridículo como Festejar as Marchas populares de Lisboa no Burkinafaso!


p.h.

trambolho ao postigo disse...

o Halloween foi levado da europa para a américa, é uma celebração do relacionada com a agricultura que depois foi sendo adaptada até chegar ao ponto de servir para as populações afastarem os maus espíritos das suas aldeias. Nos EUA é das poucas tradições que têm como as cerimónias de graduação do liceu, o dia da independência, o dia de acção de graças ou o dia de S. Patrick ( dia nacional da Irlanda). É um país recente e com pouca identidade histórica e o pouco que têm é muito vivenciado e muito comercial.
A importação do Halloween é semelhante á importação das cadeias de comida como a McDonalds é puro comércio.
Não me preocupei muito com isto há uns anos, mas agora nas escolas já se fala nisto...

mine de compal disse...

Eu ainda sou do tempo, em que se cantava o S. Martinho...
Isso sim uma tradição Portuguesa.

Senhor Indivíduo Satanhoco disse...

Tocaste num ponto importante Trambolho, a cada ano que passa nos programas curriculares, são desprovidos os conhecimentos sobre a nossa História e cultura, para nos serem incutidas tradições provenientes de culturas estrangeiras!
O seu conhecimento é importante, a abertura de horizontes é uma característica de uma sociedade culta e interessada!
A minha critica não é dirigida a esse conhecimento e contacto, é dirigida a perda de orgulho, perda de tradições, cultura e consequente identidade!
Eu também sou do tempo de festejar o São Martinho, o magusto!



p.h.

Sandes de Choco c/mortandela disse...

Hallow'een trata-se de resquícios da cultura celtica, nomeadamente aos druidas ( exacto, como o Panoramix). Era uma noite em que, para essa religião "pagã", todos os espíritos caminhavam na terra. Não se tratava de algo de mau, uma vez que os espíritos e a natureza eram unos.
Adaptada ao cristianismo , e, sobretudo aos puritanos que fundaram os E.U.A., adquiriu um papel de maldade, de espíritos errantes e maus a vaguear na terra, bruxas a fazerem orgías patrocinadas pelo próprio Diabo, Mefisto, Cornudo, etc.
Não só estes mitos faziam os homens a agarrarem-se mais à religião cristã como servia tambem de modo de contenção, de não lhes permitir pensar noutras coisas mas apenas na redeenção.
Bem, eu, por mim, vou ver se encontro por aí uma boa bruxa e beber uns copos.
Hasta

trambolho ao postigo disse...

e eu sou do tempo do dia da música, do teatro, da espiga...
eu ainda sou do tempo em que se estudava Os Lusíadas na escola...
qualquer dia camões é o tipo dos Piratas das Caraíbas...